CLASSIFICAÇÃO DO ENEM 2011

21/08/2011

CLASSIFICAÇÃO ENEM 2011

Recebemos várias dúvidas sobre como se dá a classificação geral do Enem 2011, ou seja, como será feita a classificação do Enem 2011. Tentaremos responder a questão levando em conta que a classificação das notas do Enem 2011 se dará de diversas formas, a depender da finalidade com a qual o participante inscrito utilizará a nota do Enem.

O Exame Nacional do Ensino Médio completou 10 anos em 2008 e passou por uma reformulação em 2009. Até então, a função do Enem era avaliar a qualidade do ensino da rede escolar para que o ensino médio ganhasse uma nova identidade, seja preparando os estudantes para o prosseguimento dos estudos, seja para prepará-los para o mundo do trabalho.

As mudanças ocorridas transformaram o Enem ampliando suas funções. Através do Novo Enem, instituido em 2009, o Exame rapidamente adquiriu enorme importância na vida dos estudantes, uma vez que se propunha substituir e superar o antigo modelo de acesso às universidades federais e demais instituições de ensino superior.

Desta forma, a classificação do Enem 2011 se dará de acordo com a finalidade escolhida pelo participante, ou seja, a nota do Enem 2011 poderá ser classificada de acordo com o uso. Atualmente a classificação geral do Enem 2011 pode ter no mínimo 5 usos diferentes, a saber:

Acesso às Universidades Federais e demais estabelecimentos de ensino pelo SiSU 2012

SiSU 2012

As notas do Enem serão classificadas pelo SiSU 2012 – Sistema de Seleção Unificada http://sisu.mec.gov.br a partir de janeiro, tão logo seja divulgado o Resultado do Enem 2011.

No SiSU os resultados são classificados não apenas para as Universidades Federais, mas também para os Institutos Federais de Educação bem como para os Centros Federais de Educação Tecnológica (CEFET).

Para se inscrever no SiSU 2012, o participante do Enem deverá utilizar seu número de inscrição e a senha do Enem 2011, para recuperar a nota obtida no Exame. Já a classificação do Enem 2011 feita pelo SiSU será feita de maneira automatizada pelo sistema de acordo com as especificações feitas pelas instituições participantes. Isto se dá porque cada educandário pode utilizar pesos diferentes para cada elemento de composição da nota do Enem. Desta forma, o participante pode ter classificação diferente em instituições diferentes e até no mesmo curso, caso o educandário adote bônus para algum tipo de ação afirmativa (cotas).

Classificação do Enem para Bolsas do Prouni

O participante do Enem 2011 que não optar pelo SiSU poderá utilizar sua nota para candidatar-se a uma das bolsas de estudos oferecidas pelo Prouni 2012 – Programa Educação para Todos. Um dos requisitos do Programa é a média a ser obtida nas 4 provas do Enem mais a redação, que deve ser no mínimo 400 pontos. Além disso o participante não pode zerar nem anular sua redação.

As inscrições do Prouni 2012 incluem ainda critérios relativos à renda do candidato, que deverá ser de até 1 salário e meio por pessoa do grupo familiar em caso de bolsa integral ou até 3 salários mínimos por pessoa do grupo familiar em caso de bolsas de estudo parciais.

Além dos dois usos principais acima, a classificação do Enem 2011 também servirá como requisito para obtenção de financiamento de mensalidades em instituições de ensino superior pelo Fies – Fundo de Financiamento do Ensino Superior, para participantes que tenham concluído o Ensino Médio a partir de 2010.

Outro uso para as notas do Enem será para a obtenção do Certificado de Conclusão do Ensino Médio, para os participantes que efetuaram esta opção no momento da inscrição do Enem.

Como se vê até aqui, o caráter do multifuncional do Enem põe fim logo no início a qualquer possibilidade de crítica quanto ao seu custo. No início da semana algumas críticas foram levantadas devido ao custo do Enem apurado em R$45,00 reais por aluno. Sem dúvidas, um exame com tamanha importância social e com tantas finalidades acessíveis a todos alcança os objetivos dos investimentos empregados.

O Enem possui ainda uma importante finalidade sobre a qual falaremos em uma nova oportunidade (veja-a neste link). A Classificação do Enem 2011 por escolas e por município, que avalia a qualidade do ensino médio.

Previous post:

Next post: